Melhores técnicas de despigmentação de sobrancelha

Escolher um procedimento estético de longa durabilidade como a pigmentação de sobrancelha tem seus pontos positivos e negativos. Em primeiro lugar, a possibilidade de não precisar fazer manutenção com frequência é um ótimo ponto a ser considerado, assim como o resultado permanente. 

No entanto, quando este procedimento não é feito por um profissional qualificado, isso pode trazer sérios prejuízos e falhas ao longo do procedimento. Logo, surge a necessidade de buscar formas de despigmentação de sobrancelha para corrigir este problema.

Ainda que o procedimento de micropigmentação seja considerado semi-definitivo, caso ocorra algum tipo de falha em relação ao procedimento e aplicação das técnicas, principalmente a ausência de um profissional especialista, existe a possibilidade de corrigir estas falhas a partir da aplicação de técnicas de despigmentação de sobrancelha. 

Pensando nisso, criamos o texto abaixo para falar mais sobre essas técnicas e as opções disponíveis atualmente. Sendo assim, se você quer saber qual delas é a melhor para corrigir o seu problema, continue lendo o texto e saiba mais.

O que é o procedimento de despigmentação de sobrancelha e como ele funciona?

A micropigmentação é uma forma permanente de maquiagem, mas não atinge as camadas mais profundas da pele como uma tatuagem. Os dois procedimentos são bastante semelhantes, com o diferencial da micropigmentação atingir as camadas mais superficiais, enquanto a tatuagem atinge camadas profundas da epiderme. 

Portanto, no infeliz caso de um design falho ou sombra imperfeita – sobrancelhas que adquirem uma tonalidade azulada ou esverdeada – recomenda-se a despigmentação para corrigir o erro.

No entanto, essa decisão deve ser tomada o mais rápido possível para facilitar o processo. Além do mais, é importante consultar um profissional experiente para evitar mais problemas em relação à pigmentação, bem como eliminar a insatisfação e até mesmo o surgimento de marcas na pele. 

As contra-indicações são que mulheres grávidas e lactantes não devem passar por este tipo de procedimento. Cumpre destacar que essas mudanças são perceptíveis a curto, médio ou longo prazo, dependendo da cor e da tinta usada no processo de micropigmentação. De acordo com a necessidade do cliente, a despigmentação pode ser total ou parcialmente. Todas as escolhas devem ser feitas sob a orientação de profissionais.

Principais técnicas de despigmentação de sobrancelha

Após tomar a decisão de despigmentar a sobrancelha, o próximo passo é entender como o procedimento funciona, ou seja, quais são as técnicas disponibilizadas para a realização da despigmentação. Abaixo, separamos as principais opções que podem ser utilizadas:

Utilização de ácido na pele

O procedimento de aplicação de ácido é recomendado para a realização de ajustes simples ou retoque na micropigmentação. 

No entanto, tendo em vista que o material utilizado é ácido, o profissional precisa estar habilitado a lidar com ele, bem como ter treinamento para realizar os serviços. Do contrário, os efeitos da má utilização do ácido podem ser irreversíveis e causar sérias lesões na pele dos pacientes.

Ao longo deste procedimento, são utilizados um ou mais agentes químicos com o intuito de fazer com que a pele se renove espontaneamente. 

Quando estes materiais entram em contato com a pele do paciente, eles conseguem fazer uma esfoliação, de modo a afinar os tecidos e regenerá-los. Ao longo do tempo, a pele vai realizando o processo natural de descamação, onde a pigmentação é removida aos poucos.

Técnica Salina

A utilização da técnica salina consiste na despigmentação de sobrancelha utilizando uma solução feita com água e sal. Para isso, utiliza-se um dermógrafo, de modo a aplicá-lo sobre a pele onde se encontra a tinta. 

Este aparelho também é utilizado para realizar o processo de micropigmentação, portanto, ele pode servir tanto para pigmentar quanto para despigmentar a pele.

Nesse caso, o líquido é introduzido na pele dos pacientes, provocando ressecamento no local da aplicação. Posteriormente, o corpo cuida de expulsar o composto e em consequência o pigmento. 

No entanto, cabe mencionar que antes do corpo expulsar a pigmentação da pele, os tecidos irão desidratar e formar uma espécie de crosta na pele, fazendo com que ela fique extremamente seca e grossa ao longo do período de cicatrização.

Tendo em vista todos os efeitos colaterais que essa técnica pode causar, ela foi descontinuada e deixou de ser usada pelos profissionais. 

Isso porque, a depender da pele que foi aplicada, a desidratação e ressecamento podem causar sérios problemas, principalmente com imperfeições na pele. A quelóide e hiperpigmentação são alguns dos exemplos que surgem da utilização da técnica.

Despigmentação com laser

Atualmente, a despigmentação de sobrancelha utiliza esta técnica para acabar com o problema. Ela é a mais popular e atual de todas. 

Especialistas fazem uso da despigmentação de sobrancelha com laser e também de tatuagens. Isso porque o laser irradia sobre o local do pigmento, fazendo com que todas as partículas sejam quebradas em micropigmentos. Isso faz com que o processo de absorção do corpo seja mais rápido e em pouco tempo a pigmentação suma.

Para que isso ocorra, é necessário utilizar o laser para remoção de micropigmentação com Anvisa, tendo em vista se tratar de algo que pode trazer prejuízos para a pele dos pacientes. Logo, antes de tudo, o laser deve passar pelo crivo da Anvisa e ser liberado para uso. 

Em uma fração de segundos, este laser é apontado para a área do pigmento. Com isso, ele se torna inofensivo para a pele do paciente, quebrando apenas as partículas da pigmentação. Algumas pessoas apontam que o procedimento causa um certo desconforto, enquanto outras dizem que a despigmentação de sobrancelha causa dor.

Cirurgia de excisão

Por fim, temos o procedimento mais invasivo de todos da nossa lista, indicado apenas para os casos graves. 

Aqui, ocorre um corte nos pigmentos e a pele é suturada. Portanto, a remoção se dá a partir de uma cirurgia. Logo, é necessário fazer uma boa avaliação para saber se este é o procedimento ideal.

Como escolher a melhor técnica?

O profissional qualificado será o responsável por escolher a melhor técnica de acordo com o caso. Portanto, ele fará uma avaliação da pigmentação, assim como do histórico de cada um dos pacientes. Com isso, será possível indicar a melhor técnica de despigmentação de sobrancelha.

despigmentação de sobrancelha