Qual é a função de um dermatologista?

O dermatologista é um médico especialista, capaz de prevenir e tratar alergias, acnes, diversas doenças e surgimento do câncer de pele.

Esses são apenas alguns exemplos das funções que um dermatologista pode desempenhar, mas a sua atuação vai além disso. Infelizmente, é comum que a dermatologia seja atribuída apenas a uma especialidade que realiza tratamentos estéticos.

De toda forma, um dermatologista é um especialista capacitado no tratamento da pele, maior órgão do corpo humano e responsável pelo revestimento e proteção do nosso corpo.

Porém, o dermatologista pode cuidar não só da pele, mas do cabelo, dos pelos e das unhas. A Sociedade Brasileira de Dermatologia esclarece que, além da acne, da herpes, do vitiligo, de inúmeras alergias, da psoríase, de verrugas, da queda de cabelo, micoses e do câncer de pele, um dermatologista está capacitado para tratar de mais de três mil doenças dermatológicas.

Quando você notar qualquer tipo de alteração na pele, logo deverá buscar ajuda de um dermatologista. 

Conheça as especialidades que estão dentro da dermatologia.

A dermatologia é uma especialidade da medicina, que atribui ao especialista as funções citadas acima. Contudo, dentro da própria dermatologia existem ainda outras possíveis especializações, concedendo aos profissionais da dermatologia amplas funções. Entre as principais especialidades dentro da dermatologia, podemos destacar:

Cosmiatria: A cosmiatria é uma especialidade destinada ao tratamento das alterações estéticas da pele e ao desenvolvimento de cosméticos. Assim, o dermatologista que possui especialidade nesta função é capaz de avaliar os efeitos positivos e negativos de um cosmético na pele. O especialista em cosmiatria pode realizar a aplicação de botox, fazer preenchimentos, trabalhar com procedimentos a laser e realizar tratamentos para cicatrizes provenientes da acne.

Hansenologia: Esta é uma especialidade da dermatologia destinada especificamente ao tratamento e estudo da hanseníase, uma das doenças infectocontagiosas mais perigosas, dentre as que afetam a pele, A hanseníase é causada pela bactéria Mycobacterium leprae e sendo transmitida através de secreções que adentram as vias aéreas, como gotículas de saliva. Além da pele, a hanseníase também pode afetar os nervos periféricos, os olhos e diversos outros órgãos.

Cirurgia Dermatológica: O dermatologista que possui especialidade em cirurgia dermatológica pode atuar em funções estéticas e de saúde, tratando de qualquer tipo de lesão cutânea ou cirurgias. Entre os tipos de cirurgias realizadas dentro desta especialidade, podemos destacar:

  • Remoção de pintas e sinais;
  • Cirurgia de preenchimentos;
  • Cirurgias a laser;
  • Transplante capilar.

As cirurgias realizadas pelo especialista nesse ramo são minimamente invasivas, exigindo apenas anestesia para realização e com um rápido período de recuperação Entretanto, no tratamento de câncer, por exemplo,  o dermatologista pode realizar a função cirurgião para procedimentos cirúrgicos mais complexos.

Conheça as doenças que mais são tratadas por um dermatologista, além do câncer de pele.

Por fim, gostaríamos de ressaltar que além dos procedimentos e tratamentos estéticos, das cirurgias com diversos fins, a dermatologia é uma área que trata de doenças graves, além do câncer de pele, da acne, de alergias, verrugas, micoses, queda de cabelo e unhas. Entre as principais doenças que são tratadas por um dermatologista, podemos destacar:

Foliculite: Quando ocorre a infecção dos folículos pilosos, que levam ao surgimento de bolinhas, arvejas e por vezes com pus, temos a foliculite. 

Hiperhidrose: Caracterizada pela sudorese excessiva, sendo uma doença grave, a hiperhidrose prejudica a qualidade de vida de um paciente, afetando áreas como mãos e pés.

Rosácea: A rosácea é uma doença crônica, que provoca a vermelhidão da pele, seu ressecamento e aumenta a sensibilidade. A rosácea também deixa os vasinhos mais evidentes e exige cuidados por toda a vida.

Psoríase: A psoríase causa uma inflamação na pele, sendo uma doença não contagiosa, mas que pode atingir o couro cabeludo, as unhas e até mesmo as articulações.

Melasma: Melasma é um distúrbio que ocasiona o aparecimento de manchas nos braços, no colo e no rosto, de aparência acastanhada. Esse distúrbio ocorre devido ao aumento do número de melanócitos, que são células com a função de produzir os pigmentos da pele.

Em qual caso devo procurar um dermatologista?

Todas as pessoas devem se consultar com um dermatologista pelo menos uma vez ao ano, de forma preventiva e diagnóstica.

Qual é a função de um dermatologista