O que é terapia holística?

Cada pessoa é singular e possui necessidades e anseios únicos. Por isso, a terapia holística é uma forma alternativa de tratar alguns problemas. Afinal de contas, ela visa tratar os problemas a partir de uma perspectiva mais global sobre o ser humano.

Esse tipo de terapia, diferente das demais, não foca apenas no problema ou sintomas de uma determinada doença. Na verdade, procura fazer uma análise do todo. Da pessoa, das suas questões físicas, psicológicas, sociais, culturais etc.

E, desde que se ampliou o conceito de saúde, passou-se a excluir apenas o sinônimo da ausência de alguma doença. Hoje, abrange questões de um todo, a integralidade do ser humano.

Isso quer dizer que estamos em uma era que visa proteger a saúde, mas também valorizar as estratégias e todas as ferramentas de prevenção. Hoje, essas questões passaram a ser muito mais claras, uma vez que estão entrelaçadas às dimensões humanas, relacionando-se ao bem-estar físico, social e mental.

Cuidado Integral

Tanto os planos terapêuticos como os serviços de saúde também tiveram de passar por uma certa reestruturação. Por isso, hoje, não se vê mais o paciente como se fosse apenas uma “parte”. Tampouco dividido em várias áreas de assistência.

Ou seja, entende-se que é um ser que carece de cuidado integral. Dessa forma, acaba por haver uma interconexão de todas as áreas da saúde, bem como suas devidas equipes interdisciplinares. Assim, ganharam mais força e raízes em todos os níveis de atenção.

Respaldo científico

Muito se questiona a respeito do respaldo científico que a terapia holística tem. Hoje, devido às transformações técnicas e algumas estratégicas de saúde, elas acabaram ganhando esse respaldo e alguns espaços nos serviços de saúde.

Não é à toa que algumas terapias desse tipo deixaram de ser alternativas, mas sim algo complementar. Por isso, hoje, reúne-se dentro da Terapia Holística, a qual é reconhecida pelo Ministério da Saúde e que já foi incorporada a fim de tratar doenças e condições clínicas.

Terapia Holística

Nada mais é que um conjunto de terapias, a qual visa promover a saúde a todos custo. Ademais, preocupa-se em prevenir doenças e agravos, alívio e sintomas de cura. Tudo isso apenas por intermédio do cuidado integral do ser humano.

E, na sua maioria, os seus componentes possuem braço na medicina oriental, além de trazer consigo uma certa mistura entre o empírico e o científico. Por isso, elas tendem a ser mais eficazes, pois levam em consideração o outro.

Em suma, baseia-se, em especial, em alguns métodos de relaxamento, manipulação de energias, mudanças em hábitos de vida, alívio de pontos gatilhos etc. E, em junção dos tratamentos tradicionais, são ainda mais benéficos à vida do paciente.

Efeitos positivos visíveis

O seu papel principal é complementar os tratamentos tradicionais. Assim, a sua capacidade e efeitos visíveis de potencializar os efeitos positivos dos remédios se tornam mais claros.

É bem evidente quando se busca alcançar, de uma maneira mais profunda, algumas questões mais internas na vida do paciente, por intermédio de alguns meios mais convencionais que os permeiam, mas que promovem a resposta psicológica e imune ao combate às doenças.

Dessa forma, promove um grande bem-estar e qualidade de vida para todos os enfermos.

Terapias

Os que mais representam a terapia holística são:

  • Acupuntura;
  • Reiki;
  • Massoterapia;
  • Herbologia;
  • Ayurveda.

Acupuntura

Trata-se de uma técnica milenar que veio da China, cujo intuito é aplicar algumas agulhas em pontos de confluência energética, as quais atuam direto nos nervos. É mais comum para aliviar dores e proporcionar o relaxamento. Por isso, é muito eficaz para tratar dores crônicas ou mesmo doenças musculares e ósseas.

Reiki

Também é bem conhecido e, em suma, o Reiki nada mais é que a manipulação de algumas energias, a partir da imposição das mãos. No entanto, as mãos não precisam estar em contato, necessariamente, com a região do corpo do paciente.

Dessa forma, há uma drenagem de energias negativas e se transmite apenas as positivas. Por isso, é muito eficiente para tratar problemas como:

  • Estresse;
  • Transtorno do pânico;
  • Depressão;
  • Ansiedade.

Massoterapia

A massoterapia tem como base a aplicação de movimentos e pressões em cima de pontos gatilhos. Dessa forma, o intuito é aliviar o estresse e os nodos de rigidez muscular. Ou seja, causa uma enorme sensação de relaxamento e prazer.

Por isso, pode ser aplicada em junção de outras técnicas, sendo a mais comum a aromaterapia e a massagem tântrica. Assim, além de estimulação tátil, também ocorre a olfativa, por intermédio dos óleos essenciais, os quais auxiliam a reduzir algumas sensações negativas ou mesmo tensão emocional.

Fora isso, também se pode combinar com a terapia de cristais, a qual se fundamenta na troca de energia entre pessoa e matéria. Dessa forma, aproveita toda a essência natural de cada elemento.

Herbologia

Nada mais é que o uso de plantas medicinais. Por isso, há um catálogo bem longo, o qual contém flores, folhas, caules, raízes, sementes, ervas etc.

Ayurveda

É mais uma filosofia de vida, a qual é composta por algumas práticas e meios que visam promover a qualidade de vida. Por isso, meditação e uma alimentação que se baseia em elementos orientais são comuns.

O que é terapia holística