Detonado Chrono Trigger: veja as principais curiosidades e polêmicas do jogo!

Chrono Trigger é um jogo de RPG que foi desenvolvido pela Square Co. e lançado para os consoles do Super Nintendo, Nintendo DS e PlayStation. Além disso, o jogo teve compatibilidade para smartphones i-mobile, Virtual Console, iOS, Android e Microsoft Windows.

Chrono Trigger – Detonado é um dos grandes clássicos do Super Nintendo lançado na década dos anos 90 e foi um jogo realmente revolucionário para época, além de ser considerado por muitos jogadores um dos melhores jogos feitos de todos os tempos.

A fama do jogo era tão grande que a equipe desenvolvedora foi chamada de Equipe dos sonhos (ou Dream Team) e era composta por grandes nomes como Hironobu Sakaguchi (produtor da série Final Fantasy), Yuji Horii (diretor da série de jogos Dragon Quest), Akira Toriyama (criador de mangás renomados, como Dragon Ball e Dr. Slump), o produtor Kazuhiko Aoki e Nobuo Uematsu (músico de Final Fantasy).

A história do jogo conta com múltiplos finais, além de belos gráficos e inúmeras referências às histórias mitológicas e lendas.

Curiosidades sobre Detonado Chrono Trigger

Se você também é fã de Detonado Chrono Trigger ou quer saber mais sobre o jogo, confira essas curiosidades!

As sequências do jogo

Muitas pessoas nem sabem, mas Chrono Trigger não é o único jogo da série. Após seu lançamento, ele teve pelo menos mais duas sequências produzidas e lançadas pela Square, mas nenhuma delas obteve o sucesso da original.

Chrono Cross foi lançado no PS1 e tinha na história do jogo outros protagonistas, apesar de manter as características originais do jogo de Chrono Trigger, como a viagem no espaço-tempo.

Outra sequência lançada do jogo foi Radical Dreamers, lançada apenas dois anos depois de CT, em 1996, na internet e no Japão. O game se tratava de uma história de personagens secundários, aprofundando nas suas aventuras.

Direitos autorais

Com uma verdadeira legião de fãs, Chrono Trigger teve diversas sequências e remakes feitos por seus admiradores. Mas, usar um grande nome como esse pode acarretar alguns problemas.

Um exemplo foi um grande remake do jogo que estava sendo desenvolvido totalmente em 3D, mas que teve sua produção cancelada a pedido da Square Enix, o que foi acatado pelos produtores.

Uma outra versão hackeada, chamada de Chrono Trigger: Crimson Echoes, lançada em 2004, usava uma versão corrompida do jogo original para desenvolver uma nova história. O projeto foi criado ao longo de cinco anos e já estava 98% completo quando a Square Enix solicitou a sua paralisação. Mesmo tendo sido cancelado, você consegue encontrar vestígios do jogo na Internet.

Influências da Bíblia e do rock

As influências do jogo Chrono Trigger podem parecer bem inusitadas. Uma delas vem da Bíblia cristã, e você pode conferir nos nomes que aparecem ao longo do jogo, como os dos três sábios Melchior, Gaspar e Belthasar. Esses nomes se tratam dos três magos que visitaram Jesus Cristo após seu nascimento.

Além disso, há também referências a algumas bandas de rock bastante conhecidas: Black Sabbath, Red Hot Chilli Peppers e Guns N’ Roses, com os generais do personagem Magus.

Finais diferentes

Talvez seja possível afirmar que Chrono Trigger foi um dos primeiros jogos da Super Nintendo a contar com múltiplos finais. No jogo em questão é possível ver 13 finais diferentes, onde cada um conta com fatos diferentes para os personagens, podendo ser eles bom ou ruim.

Detonado, Chrono Trigger com certeza fez história no mundo dos games com seus finais dramáticos, felizes e até mesmo.

Ainda hoje é possível perceber o seu sucesso e sua fórmula sendo utilizada em outros jogos.

Detonado Chrono Trigger