Como comprar um terreno: 6 fatores para fazer um bom negócio

Quer comprar um terreno? Entenda 6 fatores que devem ser observados antes de comprar um terreno para você fazer um bom negócio

Como comprar um terreno

Antes de adquirir um terreno, é preciso conhecer tudo que envolve esse tipo de negócio. Levar em conta fatores ambientais, estéticos e físicos, assim como o regulamento local vigente de cada município, é indispensável, pois isso pode interferir na hora de realizar esse investimento ou planejar a casa dos seus sonhos.

Para evitar complicações, a escolha do lote requer muito cuidado e atenção. Por trás do que aparenta ser uma oferta formidável, pode haver problemas ocultos, como vendedores mal intencionados ou documentação irregular.

Considerando isso, preparamos as melhores dicas para adquirir um terreno da melhor maneira possível. Continue lendo para entender os elementos que devem ser analisados para fazer um ótimo negócio.
 

1. Avalie o desnível (topografia)


O lote deve ser em declive (nível da rua é mais alto que o fundo), nivelado (plano) ou em aclive (sobre em direção ao fundo).

Quando o terreno é aclive ou declive, uma boa planta pode usar melhor sua propriedade natural e evitar cortes de terra. É esse método que deixa a construção com custo mais alto, já que é necessário arrumar suportes de drenagem e contenção.

Por outro lado, esse tipo de terreno normalmente tem o custo mais baixo que o plano e garante visuais cativantes e funcionais quando a planta é bem arquitetada. Sendo assim, se você quer construir uma moradia ou outra estrutura térrea, pense muito bem antes de adquirir.
 

2. Verifique o tipo de solo


Além dos três tipos de terreno citados acima, cada um tem detalhes geológicos próprios, formados por concentrações distintas de silte, areia e argila. Entender isso é essencial para uma futura construção, observando se o terreno é do tipo arenoso, argiloso ou siltoso, com ou sem presença de água.

Esse fato é determinante para desvendar o nível de resistência do solo e a sua tendência para obter cargas das fundações a fim de aguentar o que será erguido. Nesse caso, é fundamental contar com o suporte de uma empresa para realizar a sondagem do lugar (estudo do solo).

Tendo essa informação, é possível entender que tipo de fundação é mais recomendado para sua planta. Uma boa sugestão é perguntar para vizinhança qual tipo de estrutura eles usam.
 

3. Observe a posição em relação ao sol


A ideia mais recomendada para a construção é colocar os quartos de frente para o nascer do sol. Sendo assim, verifique se a face voltada para o nascer do sol fica numa posição favorável do terreno ou se está voltada para um prédio alto que tampa o sol.

Observe também se algum terreno ao lado pode tampar o seu sol futuramente, caso um prédio seja erguido.
 

4. Leve em conta a localização e a vizinhança


Diversas pessoas se preocupam só com a infraestrutura: serviços, transporte e lazer. Mas se esquecem de alguns detalhes que podem causar desconfortos. Imagine você desejando relaxar, mas não consegue devido ao som alto de uma casa noturna? Ou indo para casa, mas com obstáculos para chegar devido ao trânsito movimentado ao redor?

Antes de decidir, verifique sempre ao redor e vá ao terreno em dias e horários diferentes.
 

5. Veja os recuos obrigatórios


Atente-se aos terrenos muito pequenos, pois talvez você tenha que deixar um recuo ao lado, ou seja, você não poderá desfrutar todo o seu tamanho. Quem determina isso é a Lei de Uso e Ocupação de solo de cada região.

Ademais, caso ele seja de esquina, é necessário respeitar alguns metros em relação à calçada, o que provavelmente vai fazer você desperdiçar um bom tamanho de construção. Logo, se o terreno for muito apertado e for preciso diminuir muitos metros, restara pouco espaço para você desfrutar.
 

6. Pense sobre a infraestrutura da região


Verifique se o abastecimento de água, a concessionária de luz e a rede de esgoto alcançam o seu terreno. Confira também se aquela região é atendida por transporte público, se as ruas e avenidas são cobertas por revestimento e se na redondeza têm mercados, padarias, escola, farmácia, hospital e outros serviços que você ache importante.

Estar em um lugar estruturado torna o terreno mais caro, no entanto proporciona mais qualidade de vida por muito tempo. Uma alternativa é adquirir o lote com consórcio, por exemplo, que possibilita facilidades na compra.
 

Dica bônus: contrate uma imobiliária


Ao contrário do que muitas pessoas pensam, uma imobiliária também faz a intermediação da compra e a venda de imóveis.

Assim, considere contratar uma imobiliária para fazer a compra do seu terreno de modo mais seguro.